21 abril 2007

Pequeno resumo da semana, com sabor amargo Chinês...

As coisas nos últimos tempos não andam a correr lá muito bem para os lados da Microsoft. Tem sido as inúmeras queixas com o Me2, são empresas, governos e um crescente número de desktops a evitarem o tal espécie de SO e a fugirem para outras alternativas.

Entretanto no gigantesco mercado Chinês, o Me2 logo nas duas primeiras semanas, consegui a excelente proeza de vender (upps, alugar) 244 cópias do seu novo espécie de SO em toda a China!!! Caso para dizer UAU!
Lá vai o Bill pra China tentar vender a sua banha da cobra, anuncia uma nova promoção do Windows Starter Edition (é incrível como ainda existe alguém a usar aquela bosta de software!!) e mais uns rebuçados por apenas $3. De seguida dirige-se a Pequim, e toca de discursar numa Universidade com o tema "Creativity, China, Future". Num sinal de falta de respeito pelo gajo, coisa que aliás já se tem vindo a manifestar na China ao recusarem serem extorquidos pela Microsoft, no fim do discurso um fulano de nome Yang Wang que é representante do Linux Professional Institute, levantou-se com um grande cartaz onde se dizia as aquelas palavras mágicas que deixam o Bill completamente possesso: Free Software, Open Source.
Ao Yang Wang nada aconteceu, para além de ir à esquadra explicar-se, mas a sorte concerteza seria bem diferente se em vez do Bill fosse o Steve Balmer! Parece que já o estou a ver a correr pelo palco aos gritos de Vade Retro e Satanás, e saltar para cima do homem e atacá-lo às dentadas....

Os anos de ouro da Microsoft já lá vão.....

2 comentários:

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

Países como a China, a Rússia e o Brasil podem definitivamente ajudar a mudar o percurso do Open Source. São países com uma dimensão populacional equiparável aos Estados Unidos que se mudarem por completo de software proprietário para Open Source fazem a Microsoft e outros sofrerem rudes golpes na sua estratégia que até a mudam para ver se conseguem vender alguma coisa nem que seja por $3.