15 dezembro 2007

Parabéns! 60 velinhas para o transístor!

É já amanhã que o transístor fará 60 anos! Foi em 16 de Dezembro de 1947 que este pequeno componente electrónico criado por Bardeen, Bradford e Brattain, e que lhes valeu o prémio Nobel em 1956, viu a luz do dia. O transístor foi inicialmente ignorado em favor das velhas válvulas termoiónicas e só a partir dos anos 60 é que começou a ser utilizado em larga escala, acabando por dar origem ao primeiro microprocessador pela Intel em 1971, o chamado 4004.

O transístor é apenas uma das maiores invenções da história moderna que tornou possível a revolução dos computadores e de todo o equipamento electrónico, incluindo a possibilidade de o caro leitor estar a ler este artigo.
Já tentaram imaginar o que seria hoje o nosso dia a dia, sem que o transístor tivesse sido inventado? O PC como objecto em todos os lares seria impossível, não haveria ipods nem cameras digitais pelo Natal, não haveria Bill Gates nem Steve Jobs e muitas outras coisas que hoje já nos são imprescindíveis, não existiriam.

Mais informação: Wikipédia

comentários:

Américo Dias disse...
16 dezembro, 2007 12:52
 

Foi sem sombra de dúvidas uma das invenções mais importantes da história da humanidade.