18 maio 2008

Dia de limpeza

Ontem foi dia de limpeza de discos, limpeza do pó e de imensos bits amontoados e acumulados durante anos. Tirar bits duma partição para outra, apagar partição e repetir o processo várias vezes. Incrível a quantidade de tralha que juntamos em vários anos. São aquelas imagens, pdfs e outros documentos que se vão guardando em pastas esquecidas com o propósito de uma dia mais tarde fazer algo com eles, com aquele programa que vi não sei aonde, também guardado numa outra pasta esquecida. Carradas de programas de shareware e freewares com os respectivos trojans, colecionados e guardados ao lado doutras pastas cheias de keygens, cracks e outros lixos. Foi uma autentica orgia com tanto tirar de bits e bites dum lado e meter noutro. Tira e mete, tira e mete e quando acabei estava sentindo algo como que um orgasmo e fiquei com um sorrizinho na cara, enquanto via e ouvia os discos rígidos a ronronarem de prazer.

E como era fim de semana, era altura da troca de filmes e outro material com o CrimsonTuxer. Já sei que estão a pensar na barbaridade que acabei de escrever:
"Trocar filmes?? Mas não tens o iTunes, essa maravilha mor da informática, inventada e benzida pelo maior génio da humanidade, o Steve Jobs?? Não conheces esse espectacular programa que te gere o iPhone que embora ainda não seja comercializado por cá é como se fosse, e que te gere os iPods, iGadgets e outros iLixos??"
Pois não tenho! Infelizmente em Linux não tenho essa maravilha que me permite comprar milhões de mp3 com DRM e sem DRM, e mais uns milhões de filmes. O magnífico e idolatrado Steve anda ofuscado com o seu brilho, e ainda não reparou que existem outros sistemas operativos para além do OS Xs e Windows. E nós, coitados utilizadores de Linux, ficamos sem a possibilidade de saboreármos clímaxes com o iTunes e de enriquecer ainda mais o grande Steve com o nosso dinheiro, e ficamos obrigados a usar programas imensamente inferiores a esse iTunes, como o eMule e outras mulas, clientes de torrents e afins, para podermos ver meia dúzia de filmes nos nossos PCs e DVDs das nossas salas, e ainda pior, sem DRM... Ó tristeza a nossa. Será que se pedirmos ao Appletuga, ele mete uma cunha ao omnisciente Steve Jobs para que olhe para nós, infelizes utilizadores de sistemas operativos menores?

E como conclusão, após a limpeza de discos e a troca de filmes, fiquei com os discos novamente cheios! Por mais que se arranje discos maiores, se aproveite todo o espaço desperdiçado, ficamos sempre com os discos cheios! Só me resta agora visionar de empreitada o Stargate Atlantis season 4, a série Galáctica season qualquer coisa e outros filmes acabados de serem lançados, gravar uns DVDs com esses xvids para consumo particular (não negoceio este material!), para conseguir arranjar mais alguns espaços em disco e voltar a enche-los....

Ó vida esta....

3 comentários:

jocaferro disse...
18 maio, 2008 14:42
 

Xiiii
Galactica 4ª série completa.
Eu, quando for grande, também quero.

Esta semana foram 24 desktop e 2 servidores a levar com uma limpeza geral. Mas mesmo geral.
Tenho uma carrada de material de sobras que já vão levar destino. Gratuito como é óbvio sem a respectiva taxa M$.
Só tenho pena que os servidores tenham levado com algum lixo em cima mas sempre consegui colocar um para mail e Fax. Este último está a estragar o esquema todo. O Hylafax parece não gostar de clientes XP.
Ou então sou eu...

@braço.

Anónimo disse...
19 maio, 2008 11:52
 

Aff voce é gay mano? Orgasmo com seu computador? Ja ouviu falar de mulher??

Por acaso já ouvi falar em tal coisa, mulher, ver se confiro isso. O que eu não sabia é que gay é ter orgasmo com o computador... Tamos sempre aprendendo...